Tuesday 23 May 2017
  • :
  • :

ANDORRA – Paraíso da neve nos Pirineus

ANDORRA – Paraíso da neve nos Pirineus

Sugerimos que você comece assistindo ao vídeo, pra ter um gostinho de Andorra!  🙂

Descobrimos Andorra pesquisando bons destinos para ver neve. A Gabi nunca tinha visto, chegaríamos em Barcelona no fim de janeiro e queríamos um lugar onde com certeza haveria neve em fevereiro. Lemos que Andorra tinha sido o local com mais neve em 2014 e o que nos animou mais: era uma área de esqui para a galera com orçamentos mais conscientes, sem muita ostentação. Além de estar a apenas 200 quilômetros de Barcelona. Achamos perfeito.

Andorra é um principado entre a Espanha e a França, com 76 mil habitantes, no meio dos Pirineus. É o maior dos pequenos Estados europeus, com 468 km2. Hoje é considerado um país, tem uma cadeira nas Nações Unidas e faz parte da Comunidade Europeia. A língua oficial é o catalão e a moeda o Euro, apesar de Andorra não emitir seus próprios Euros. A capital é Andorra La Vella. Não é preciso visto para entrar em Andorra, mas como lá não tem um aeroporto para entrada direta, é necessário entrar no país via França ou Espanha. Para nós brasileiros, continua tudo igual pois não precisamos de visto pra nenhum desses países, mas uma pessoa de outra nacionalidade pode precisar, então é bom pesquisar.

Casa de La Vall - Andorra

Casa de La Vall – Andorra

Lembre-se que para ir à Andorra você deve adquirir um seguro viagem (o país exige esse seguro pelo Tratado de Schengen). Compare os preços dos melhores seguros clicando no banner abaixo. A Real Seguros é nossa parceira e comprando por esse link você ajuda o blog a continuar na ativa (sem pagar nada a mais por isso!).

Seguro viagem geral 728x90

Muita gente vai para lá para esquiar no inverno, ou no verão para as atividades em meio a natureza, como as caminhadas nas montanhas. Andorra também é conhecida por suas águas termais medicinais. Além disso, é um paraíso das compras, com valores mais baixos, devido a impostos reduzidos. Cada pessoa pode comprar 900 Euros em Andorra sem pagar impostos. O que exceder esse limite deve ser declarado na saída.

Resolvemos ir de carro porque lemos que sem ele é muito difícil circular de um lugar para outro e nem todas as atrações de interesse são servidas por transporte público. Quando fizemos a reserva o carro parecia super barato, mas na hora de retirar tivemos que pagar um seguro adicional para ir até Andorra, a locadora não tinha o modelo mais barato que havíamos reservado. No fim das contas a locação ficou em 200 euros pelas 4 diárias (incluindo GPS). Assim sendo, não recomendamos que usem a empresa FireFly para alugar carros na Espanha. Gastamos mais 33 euros de combustível… Escolhemos ir por vias livres de pedágio, o GPS nos ajudou nessa missão. Fizemos o seguinte trajeto: Autovia Nordeste, L313, N-260 El Pirinaico e N-145 Carretera Nacional.

Saímos de Barcelona às 11 da manhã e levamos 3 horas para percorrer os 200 km até Andorra La Vella. As estradas são ótimas e as paisagens lindas. Vimos encantadores pueblos medievais, cidades nas montanhas, belos rios. Algumas fotos do lindo caminho:

Área de Montserrat, em Manresa, que fica a uns 30 m de Barcelona

Área de Montserrat, em Manresa, que fica a uns 30 km de Barcelona, no caminho para Andorra

Pequeno pueblo já próximo de Andorra

Pequeno pueblo já próximo de Andorra

Chegando em Andorra, não precisamos parar na fronteira. Entramos sem nenhuma checagem. Era domingo, 14h e a fila para deixar o país era assustadora. Do outro lado da pista o trânsito quase não andava. Muita gente vai esquiar no fim de semana e todos estavam voltando nesse horário.

Nos hospedamos no Hotel Sant Jordi. Pagamos 117 Euros pelas 3 diárias, incluindo café da manhã. O hotel é simples, mas para viajantes econômicos uma ótima opção. O aquecimento poderoso (tínhamos ate que dormir com um pouco da janela aberta para não morrer de calor), localização boa e a vista do nosso quarto linda. Nos avisaram que o wifi não chegava nos andares mais altos (estávamos no 7o), mas podíamos usar o wifi na recepção e no restaurante. O estacionamento foi um desafio no primeiro dia. O hotel está no centro histórico de Andorra La Vella, ultra antigo, com vielas estreitas de pedra. Na primeira tentativa julgamos ser impossível passar com o carro nas vielas, fazendo curvas fechadas, com as pedras cheias de neve e escorregadiças. Vou dizer que suei muito hahahaha   Mas depois acostumei e vi que não era tão difícil.

Você pode reservar seu hotel ou hostel em Andorra pela nossa caixinha especial do Booking.com! Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog ESTRANGEIRA a continuar na ativa já que ganhamos uma comissão das vendas. Você conta com a segurança e garantia do Booking.com e pode escrever para nós se tiver alguma dúvida. Fizemos uma caixinha de busca especial para Andorra aqui:



Booking.com

Andorra está dividida em 7 paróquias (distritos ou cidades). Mas são bem próximas na verdade. Andorra La Vella e Escaldes-Engordany por exemplo são quase a mesma coisa e estão grudadas. Nessa área dá para fazer tudo caminhando.

Iniciando no Centro Histórico é possível agendar uma visita guiada à Casa de la Vall, uma construção de 1580 que serviu como sede do Parlamento até 2011, e que ainda recebe algumas cerimonias oficiais. Ali ficava tambémo Forum onde aconteciam os julgamentos. É legal fazer a visita guiada pois a guia conta toda a história da casa e muito da história de Andorra. Há uma cozinha muito antiga, com utensílios e móveis de centenas de anos. No jardim há esculturas contemporâneas. As visitas guiadas são gratuitas e é possível agendar pessoalmente, pelo site, por e-mail ou telefone. www.museus.ad  e-mail: museusandorra@gmail.com tel (+376) 839 760

Estátuas na fente da Casa de la Vall - Andorra

Estátuas na fente da Casa de la Vall – Andorra

Logo em frente fica a nova sede do parlamento e do governo. No nível mais baixo há uma série de esculturas de homens sentados que são muito bacanas.

Estátuas no centro antigo de Andorra La Vella

Estátuas no centro antigo de Andorra La Vella

Ali perto, na Plaça Bellloch fica a Igreja de Sant Esteve, com arquitetura românica do século XII. Ao redor várias pequenas praças com esculturas são um prazer de ver.

igreja

Igreja de Sant Esteve – Andorra La Vella

Seguindo pela lateral da Igreja há uma ponte que leva ao centro de exposições e congressos, que tem um pátio bem bonito com quadras e playground. Com certeza no verão se aproveita melhor.

Seguindo a rua em frente a Igreja, se chega na Avenida Meritxell, principal rua de compras de Andorra La Vella. Ali se encontra de tudo, roupas, calçados, perfumes, eletrônicos, bebidas. Achamos engraçadas as mil variedades de garrafas de bebida gigantes.

garrafas gigantes nas lojas duty free

Garrafas gigantes nas lojas duty free de Andorra

Achamos os preços um pouco mais baratos que Barcelona, mas não muito. Mas uma coisa estava muito mais barata: Os produtos Apple! Por exemplo: o iMac de 21 polegadas tem o preço oficial de 1.529€. Na loja de Andorra estava 1.410€. Com o desconto adicional de 6% que estavam oferecendo ficava 1.320€, ou seja, 200€ abaixo, o que em Reais representa uma boa economia. A loja da Apple de Andorra é a K-Tuin, que fica na Av. Meritxell, 76

Avenida Vivand, que é a continuação da Meritxell, com suas lojas.

Avenida Vivand, que é a continuação da Meritxell, com suas lojas.

Continuando a Meritxell, ela vai se tornar a Vivand, que já é parte da Paróquia de Escaldes-Engordany. Logo você avistará o Centro d’Art D’Escaldes-Engordany – CAEE. Nele há uma exposição permanente de Villadomat, um dos principais artistas locais, uma coleção de maquetes de construções românicas de Andorra e uma exposição temporária, que na nossa visita era de Sergi Mas. A entrada é gratuita. O endereço é: Av Carlemany, 30.

CAEE - Museu de Arte

CAEE – Museu de Arte

Seguindo fica a Igreja de Sant Pere Martir. Na fachada há serigrafias de Sergi Mas, além de uma bela estátua na praça a frente. Do outro lado da rua, o antigo Hotel Valira.

Igreja de Sant Pere Martir

Igreja de Sant Pere Martir

Dobre a esquerda e caminhe ao longo do rio Valira D’Orient. A vista é linda com as montanhas ao fundo. Logo adiante você avistará um prédio espelhado muito bonito. Não deixe de entrar. Esse é o Centro de Interpretación del Agua y del Madriu. Adoramos esse lugar, um dos nossos passeios favoritos em Andorra. Ali você aprende sobre os ciclos da água, num ambiente lindo e de maneira interativa. Vídeos, projeções e telas interativas são usadas para ensinar sobre o assunto. O prédio está construído em cima do rio com o piso de vidro, assim é possível caminhar sobre as águas do rio. Outra sacada genial deles são as paredes de vidro com ranhuras. Quando os carros passam abaixo na rua e os faróis iluminam as ranhuras, parece que gotas de água descem pelas paredes. A atendente/guia muito simpática respondeu nossas perguntas todas com prazer. A entrada é gratuita também. Av Calermany, 8

Centro de Interpretación de L'aigua

Centro de Interpretación de L’aigua

Nessa mesma paróquia ficam a Caldea e INUU, dois centros termais super modernos. Neles há uma série de banhos em águas termais relaxantes e curativas. Você paga uma entrada que dá direito a usar os banhos, academia, sauna. É possível contratar também tratamentos estéticos e massagens. O lugar é bem bonito, mas não fomos porque não é muito nosso estilo (ou seja, é caro, rs).

Caldea/INUU

Caldea/INUU

Outro passeio que fizemos foi a Naturlandia, um parque de aventuras muito legal. Dá pra esquiar, ver ursos e lobos, andar num tobogã alpino incrível. Você pode ler nosso post completo sobre Naturlandia.

Em Andorra ainda tem dois grandes resorts de Ski – Vallnord e Gran Valira. Os dois oferecem as mais variadas atividades na neve. Além de esqui é possível andar de moto de neve, trenó puxado por animais, raquetes, etc. Em Gran Valira tem um hotel iglu caso você queira dormir num construção de gelo com temperaturas de 0 graus! Algo diferente para experimentar. Em Vallnord há um teleférico que sai de La Massana.

Você deve estar se perguntando o que acontece com os resorts de esqui de Andorra durante o verão… A paisagem muda e também as atividades. Rolam muitas caminhadas nas montanhas, há lagos para serem visitados, circuitos de bicicleta, parapente. São muitas montanhas com paisagens e atividades diferentes. Nós ficamos com muita vontade de voltar para Andorra no verão.

Av Meritxell

Av Meritxell

Em relação à comida passamos muito bem, obrigada. Em uma das noites jantamos a convite do Andorra Turismo no restaurante Minim’s. Fomos atendidas por um garçon super simpático. Comemos uma salada com romã e fois gras de entrada. Como prato principal comemos um atum ao molho teryaki e legumes ao anis. O outro prato era filé mignon ultra alto e delicioso e um inusitado purê de bolacha Maria!!! Sim, alguém teve a estranha ideia de misturar batata e biscoito Maria e fazer um purê para servir com carne. E gente, funciona! É gostoso. As sobremesas foram divinas: uma mousse de champagne com creme de amora e uma sopa de chocolate branco com chocolate escuro e romãs. Só de lembrar a boca enche de água de novo.

Minim’s fica na Antic Carrer Major, 5 tel (+376) 867 511

Nosso menu completo no Minim's

Nosso menu completo no Minim’s

Na outra noite jantamos no L’Abadia. O local é de um lado pub e de outro restaurante. Atendimento também ultra simpático. Começamos com uma salada divina com folhas, queijo de cabra e mel, mini pinhas. Seguimos com uma truta de rio a La Andorrana, recheada com bacon e amêndoas. Acompanhava também uma porção de saladinha. E pedimos ainda camarões ao alho. Tudo delícia. Mais uma garrafa de vinho da casa (esse era mais ou menos). Tudo custou 35 euros.

Endereço L’Abadia: Cap. Del Carrer, 2 tel (+376) 820 825

Acabamos não fazendo tanto quanto gostaríamos em Andorra pois estava nevando muito e não temos experiência para dirigir na neve, além de não termos os equipamentos necessários para neve no carro.

Há ainda muitos outros museus e igrejas, muitas no estilo românico, que é o tradicional na região. Também ha muitas rotas e trilhas, além de lagos, mas que são melhores para fazer no verão.

Tem um quiosque de informaçoes turísticas na Avenida Meritxell, na ponte que passa sobre o rio. Os horários são um pouco complicados pois eles fecham das 13h as 15h e fecham cedo a noitinha, então é complicado de conseguir pegar os mapas lá.

escultura rua

Escultura em homenagem a Salvador Dali, em Andorra.

Apesar de termos tido a sorte de ver muuuuita neve caindo (é muita mesmo, vocês podem checar no vídeo!) é bom enfatizar que, segundo as pessoas locais, pegamos um ano atípico em Andorra. Elas disseram que, em anos comuns, neva em Andorra La Vella só em dezembro, e que ver neve em fevereiro era muito raro. Nas montanhas onde estão as estações de esqui sempre neva, fiquem tranquilos, mas para ver neve na cidade é melhor pesquisar antes como está o tempo, ou garantir indo em dezembro.


box-planeje-viagem-teste-2

Clique aqui para fazer o seu seguro viagem com a Real Seguros

Clique aqui para reservar seu hotel ou hostel no Booking.com

Clique aqui para comprar ingressos de passeios na Europa com a Ticketbar

Clique aqui para pesquisar câmbio com a Melhor Câmbio


Curta Estrangeira no Facebook: http://facebook.com/EstrangeiraViagens

Siga Estrangeira no Instagram: http://instagram.com/estrangeiraviagens

Assine o canal do YouTube do Estrangeira: http://youtube.com/estrangeira

Siga Estrangeira no Snapchat: @estrangeirablog

Siga as estrangeiras! Compartilhe!
Facebook
Instagram
YouTube
YouTube
Pinterest
Pinterest
Google+
http://www.estrangeira.com.br/andorra/
RSS
Follow by Email
SHARE


Fabia Fuzeti, 40, jornalista, fotógrafa e produtora de vídeos. Caiu na estrada pela primeira vez em 1996 e desde então não parou. Viaja sempre com uma câmera e é apaixonada por imagens.


12 thoughts on “ANDORRA – Paraíso da neve nos Pirineus

  1. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Leonardo, no fim de março pode ter neve nas estações de esqui, mas é quase certeza que não estará mais nevando na cidade. Se você não vai esquiar pode escolher qualquer uma das estações, ou a Naturlândia, que não é de esqui mas fica na montanha e tem várias atrações legais! Você pode saber mais sobre esse parque no nosso post: http://www.estrangeira.com.br/andorra-naturlandia/

  2. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Oi Simone, tudo bem? Meu irmão esteve aqui há alguns meses e foi para Andorra de ônibus. Segundo a experiência dele foi tranquilo para chegar lá e também para se locomover dentro da cidade, já que tudo é perto e pode ser feito a pé. Se você quiser ir para alguma das pistas de esqui há a opção de pegar um ônibus próprio desses locais que leva até a montanha. Então depois de saber da experiência do nmeu irmão te digo que é possível ir sem carro sim! 🙂 espero ter ajudado, boa viagem!

  3. Simone

    Bom dia ! Por favor, a minha intenção é ir para Barcelona em dezembro e ficar uns 3 dias em Andorra, só que não dirijo e gostaria da opinião de vocês se realmente carro faz a diferença no local . Obrigada

  4. Leonardo Sampaio De Bonis

    Bom dia !!!! Adorei o blog.Pretendo ir pafa Andorra no fim de março de 2018.Será que neste período tem neve?..Ficarei apenas 1 diária e qual estação de esqui devo escolher?MAS não vou esquiar

  5. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Oi Paula, tudo bem? Olha, no começo de janeiro realmente deve estar nevando bastante. A estrada é boa mas pode ser perigosa para alguém que não está acostumado a dirigir na neve. Infelizmente não alugamos mais carros pela região, por isso não posso indicar. Pelo que conversei com outros blogueiros a maioria das empresas cobra coisas a mais do que no anúncio oficial para sair ganhando, infelizmente 🙁 boa viagem e aproveitem muito Andorra! 🙂

  6. Paula

    Olá tudo bem?
    Eu e meu namorado vamos para Andorra saindo de Barcelona no dia 02/01. Você acha que as condições das estradas são boas ou perigosas para ir neste período em que estará nevando bastante?
    Você indicaria outra locadora de veiculo com melhores condições?
    obrigada,

  7. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Que bom, Fabio! 🙂 A gente que agradece e boa viagem!

  8. fabio andrade

    Oi Fábia, pesquisei em alguns sites estrangeiros e parece que há um pouco de neve, porém em quantidade menor e parece ser rapidamente limpa a estrada. Acredito que não haverá problemas. Muito obrigado pela atenção e pelas dicas e mais uma vez parabéns pelo blog. Abçs

  9. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Oi Fabio, tudo bem? Quando fomos de Barcelona para Andorra pegamos exatamente esse período, final de fevereiro. Nesse primeiro trecho do caminho não pegamos neve em nenhum ponto. Apenas estava nevando já em Andorra, dentro da cidade Andorra la Vella. De qualquer forma no fim de fevereiro já é para ter menos precipitação de neve. Não fizemos o percurso Andorra-França, por isso não podemos dizer por experiência. Creio que nessa época a estrada já vai estar boa e se cair neve não deve ser uma nevasca absurda, mas realmente não sabemos te dizer com certeza sobre esse segundo trecho. Boa viagem! 🙂

  10. fabio andrade

    Boa noite, parabéns pelo blog. Estaremos em Barcelona no final de fevereiro (carnaval no Brasil) e gostaríamos de visitar Andorra de carro (dia 28.2). De lá gostaríamos de atravessar os Pirineus para a França para visitar Lourdes, Toulose e Carcassone. Gostaria de saber como são as estradas de Barcelona até Andorra e de Andorra até a França nesse período de final de fevereiro e início de março, se ainda há muito acúmulo de neve, já que não tenho experiência em dirigir em tais condições. Não encontrei muitas referências sobre as condições da pista nesse período. Obrigado pela atenção

  11. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Oi Pamela, acho que no começo de novembro ja deve ter neve. Olha nos sites das estações de esqui que eles mantém o relatório diário das condições climaticas e das pistas de esqui. Uma opção é visitar Naturlandia, como nós fizemos. O parque é lindo e cheio de atividades na neve, além de esqui. Nós escolhemos ir lá porque não esquiamos e adoramos o dia. O Tobotronc é incrível.

  12. PAMELA ROSAS

    Boa tarde,
    eu vou na primeira quinzena de novembro 2016 para a Espanha. Pensei em ir no dia 4 pra Andorra e dormir 1 noite la.. queria mto ver neve, mesmo que nao desse para esquiar.
    Vc acha que nas montanhas que normalmente teria estacoes de esqui abertas, vão ter neve? Será que dá para subir as montanhas apenas para ver neve e passar umas horas vendo a paisagem??
    Obrigada…Pamela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou? Siga na sua rede social favorita

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
    YouTube
  • Pinterest
    Pinterest
  • Google+
    http://www.estrangeira.com.br/andorra/
  • RSS
  • Follow by Email
  • SHARE