Wednesday 28 June 2017
  • :
  • :

CHILE – Valparaíso, a joia do Pacífico.

CHILE – Valparaíso, a joia do Pacífico.

Valparaíso, a joia do Pacífico, cidade cheia de universitários e gente boêmia. Fomos para lá passar o ano novo e nos divertimos demais. A cidade tem 300 mil habitantes e fica no litoral do Chile. Bem perto dela, tem ainda Viña Del Mar, que você pode incluir no seu passeio. Fica a 120 km a noroeste de Santiago, facilmente feitos de ônibus ou de carro. Nós compramos as passagens direto na rodoviária Alameda em Santiago. Várias empresas fazem o trecho, como a Pullman e Turbus. Como nós fomos para o ano novo, compramos no dia 29 logo que chegamos e pegamos os últimos assentos. Você pode também alugar um carro e dirigir até lá ou escolher alguma excursão com agência de turismo.

Quer ver como a cidade é linda? Assiste ao vídeo!

 

Fabia e Clarissa - Valparaiso - Chile

Fabia e Clarissa – Valparaiso – Chile

Fomos passar o ano novo por lá. Nossas pesquisas indicaram que era o lugar mais animado, com queima de fogos, muita festa, incluindo um carnaval na última semana do ano. Saímos de Santiago no dia 30 cedo para passar dois dias em Valpo, como a cidade é carinhosamente chamada. Ficamos hospedadas no Valpo´s Hostel, que foi bacana, mas parece que foi desativado. Fui checar agora e ele não está mais disponível em nenhum site de reservas e o site também não funciona.

Está indo para o Chile? Faça o seguro viagem e vá tranquilo! Compare os preços dos melhores seguros clicando no banner abaixo. A Real Seguros é nossa parceira e comprando por esse link você ajuda o blog a continuar na ativa (sem pagar nada a mais por isso!)
Seguro viagem geral 728x90

Olha só como Valparaiso é uma cidade fofa!!

Olha só como Valparaiso é uma cidade fofa!!

Logo que chegamos fomos dar uma volta pelo centro, visitamos uma feirinha de artesanatos, pegamos uma apresentação de um grupo circense na rua e visitamos a Plaza Sotomayor. Nela tem vários monumentos em homenagem aos heróis da guerra do Pacífico, que aconteceu no século 19 entre Chile e Peru. Ali é possível visitar o prédio da Armada de Chile e o Monumento a los Héroes de Iquique (batalha final da guerra).

Jantamos no Café Vinilo e conhecemos o chef, Gonzalo Lara, que acabou nos dando dicas da cidade e com quem passamos a virada. Tomamos nosso primeiro pisco:

Pisco Sour no Café Vinilo, em Valparaíso - Chile

Pisco Sour no Café Vinilo, em Valparaíso – Chile

O café Vinilo é gostoso e frequentado por uma galera bem legal. Nessa primeira noite esticamos para o Bar de Pisco, quase ao lado do café, onde provamos receitas de pisco inusitadas e deliciosas, com misturas de frutas diferentes. O lugar é uma graça. O endereço é Almirante Montt 484, Cerro Alegre.

Drinks de Pisco em Valparaíso

Drinks de Pisco em Valparaíso

No dia seguinte começamos passeando por Cerro Bela Vista, pois queríamos visitar o Museu La Sebastiana, a casa que foi de Pablo Neruda. Andamos bastante pelas ruas que circulam o cerro, paramos em mirantes para fotos até chegarmos muito tempo depois no local, que infelizmente estava fechado. La Sebastiana fica na calle Ricardo de Ferrari 692. É uma visita obrigatória. Custa 4.000 pesos chilenos a inteira e 1.500 para estudantes. Não abre às segundas.
Horários:
De março a dezembro: terça a domingo, das 10h as 18h
Janeiro e fevereiro: terça a domingo, das 10h30 as 18h50

Saindo dali paramos num dos poucos cafés que estavam abertos e comemos empanada chilena e provei um suco de Tuna (um tipo de cactus do deserto). Seguimos descendo o cerro em direção ao Museo al Cielo Abierto, que é na verdade uma série de grafites dos muros numa área cheia de escadas e becos. Encontramos um grupo de estudantes de arte com quem ficamos conversando um tempo. Apareceu ainda um homem que começou a cantar a música La Joya del Pacífico, em homenagem à cidade. Os chilenos são sempre muito amigáveis e simpáticos.

 

Pelas ruas do Museu a Céu Aberto

Pelas ruas do Museu a Céu Aberto

Continuamos a descida do cerro até que chegarmos numa rua maior e pegamos um táxi para o Ascensor Artilleria. Vários bondinhos sobem os cerros, mas perguntando descobrimos que alguns estavam desativados. E todos disseram que o Artilleria tem a melhor vista. O taxista nos levou até o alto do cerro para que visitássemos primeiro o Paseo 21 de Mayo. Lá estava lotado de gente acampando para ver dali os fogos da virada. Tinha realmente muita gente. Lá no alto tinha uma feirinha para visitar. O Museo Naval y Marítimo é outro ponto de interesse. A bilheteria para o bondinho, ou funicular, como eles diziam, fica ali. O ticket custa 300 pesos chilenos (R$ 1,20). O bonde desce uma distância de 175 metros até a Plaza Wheel Wright, que ainda é conhecida pelo seu antigo nome Plaza de la Aduana o Plaza Aduana.

Como já era tarde pegamos um ônibus para voltar pro albergue, que nos deixou na rua principal na parte baixa do Cerro Alegre. Dali pegamos um táxi compartilhado. Como é sofrido subir os cerros, tem táxis que levam as pessoas para cima por 350 pesos. Fica uma filinha de gente num ponto já determinado e entram quantos couberem no carro.

Valparaíso - Chile

Valparaíso – Chile

Nos arrumamos e fomos para a ceia de ano novo no Café Vinilo, onde o Gonzalo nos deixou filmar a preparação dos pratos da culinária chilena e nos contou um pouco dos ingredientes tradicionais deles, como o merkén. Experimentamos uns sorvetes sensacioanais que ele faz de tomate, manjericão, bem diferentes, mas muito, muito gostosos! No vídeo tem ele preparando os pratos e explicando. Gonzalo dá aulas de culinária chilena e faz tours turísticos com lugares especiais!

Saimos do café já perto da meia noite e corremos pro meio da multidão para achar um bom lugar para ver os fogos. Conseguimos achar um ponto com boa visão. A galera mega animada, com confete, serpentina, espuma… Os fogos foram lindos, bela experiência. Depois da virada o Gonzalo nos levou para uma balada num clube chamado La Piedra Feliz, um lugar gigante com vários ambientes. Tinha várias bandas tocando diversos tipos de música. Foi legal demais. Saímos de lá já com o dia claro. Valpo parecia uma zona de guerra, o chão forrado de garrafas vazias da virada. Amparadas pelo Gonzalo subimos a pé o cerro (sinceramente não sei como conseguimos, pois já estávamos para lá de Bagdá). Ai cometemos um grande erro. Nosso ônibus para Santiago saía às 11h30 da rodoviária. Já era 7 da manhã. Nós achamos que seria uma boa ideia dar uma dormidinha de duas horas. Acordamos depois do meio dia e perdemos o busão. Passamos horas no chão da rodoviária ultra lotada, completamente ressacadas, até que uma empresa colocou um ônibus extra e conseguimos partir já no fim da tarde. Mas sem arrependimentos. Foi um ano novo e tanto.

Valparaiso

 

Outros lugares que não tivemos tempo de visitar na cidade:

Paseo Wheel Wright: uma espécie de calçadão com ciclovia e pequenos diques funcionando como mirantes. A galera anda bastante de bicicleta por ali.

Mercado Cardonal fica num belo prédio e abastece a cidade de frutas, verduras, legumes e frutos do mar.

Uma dica super legal do blog Vamos Por Aí é um free walknig tour em Valpo, ou seja, um tour guiado a pé e gratuito! Economizar e conhecer a cidade ao mesmo tempo é tudo de bom, né? Saiba todos os detalhes desse passeio no post deles, nesse link.


box-planeje-viagem-teste-2

Clique aqui para fazer o seu seguro viagem com a Real Seguros

Clique aqui para reservar seu hotel ou hostel no Booking.com

Clique aqui para pesquisar câmbio com a Melhor Câmbio


Curta Estrangeira no Facebook: http://facebook.com/EstrangeiraViagens

Siga Estrangeira no Instagram: http://instagram.com/estrangeiraviagens

Assine o canal do YouTube do Estrangeira: http://youtube.com/estrangeira

Siga Estrangeira no Snapchat: @estrangeirablog

Siga as estrangeiras! Compartilhe!
Facebook
Instagram
YouTube
Pinterest
Google+
RSS
Follow by Email
TWITTER


Fabia Fuzeti, 40, jornalista, fotógrafa e produtora de vídeos. Caiu na estrada pela primeira vez em 1996 e desde então não parou. Viaja sempre com uma câmera e é apaixonada por imagens.


3 thoughts on “CHILE – Valparaíso, a joia do Pacífico.

  1. Fabia Fuzeti Mensagem autor

    Oi Larisse, obrigada! Ficamos felizes de saber que você gostou. 🙂 Nós também adoramos Valparaíso e voltamos para lá há 2 meses… sempre um destino encantador. Boa viagem!

  2. Larisse

    Muito legal o relato de vocês e o vídeo também. Estou indo passar 3 meses em Valpo, já estive lá no ano passado e gostei tanto que vou voltar pra uma temporada lá e acabei encontrando o blog de vocês na hora das pesquisas, gostei muito! Parabéns,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou? Siga as Estrangeiras nas redes sociais!

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest
  • Google+
  • RSS
  • Follow by Email
  • TWITTER